XVIII ENCONTRO DE HISTÓRIA DA ANPUH-RIO DE JANEIRO- HISTÓRIA E PARCERIAS

23 Jul 2018 0 comment
Várias parcerias ficaram consagradas no século XX. Relembrá-las talvez nos ajude a pensar no significado de companhia. A música Garota de Ipanema, composta por Tom Jobim e Vinicius de Morais tornou-se uma das canções mais tocadas no mundo. É difícil encontrar alguém que não saiba cantá-la. O bêbado e a equilibrista, por sua vez, de João Bosco e Aldir Blanc, lavou a nossa alma, reprimida nos anos de chumbo da ditadura. O que dizer da popular novela Guerra do sexo, onde Fernanda Montenegro e Paulo Autran contracenaram em cenas memoráveis de comédia, realizadas por dois gênios do teatro? No mundo das artes, as parcerias transformam-se muitas vezes em eventos inesquecíveis, nos fazendo acreditar que o ato de criar pode ser ainda mais iluminado com a luz de outrem.

Por razões ainda desconhecidas, as parcerias acadêmicas nas áreas de humanas não são tão bem vistas. Aqui não é o lugar para refletir sobre as tentativas de imposição de um conhecimento sobre o outro, nem mesmo repensar o papel dos órgãos de fomento no desestímulo às ações compartilhadas. Nem mesmo devemos desnudar os constrangimentos provocados por aqueles que transitam entre fronteiras, assumindo o risco de conhecer e reconhecer a produção acadêmica de uma outra área que não a História.

O que dizer então das parcerias entre a História e os movimentos sociais, das questões que envolvem o engajamento do historiador em tempos tão desafiadores? Prepotência, retrocesso, desesperança? Não, talvez seja apenas o medo de sair da zona de conforto e, em parceria, aprender e/ou reaprender com o outro.

Todos nós temos algo a dizer. Compartilhar saberes, estimular parcerias entre a História e suas colegas da grande área de Humanas é o desafio deste encontro da ANPUH-Rio que, ousadamente, produziu também o primeiro Encontro Internacional: História & Parceria. Convidamos a todos a ir em busca de novas parcerias, assumindo o risco de aprender um pouco mais.

Essa reflexão norteará os trabalhos do XVIII Encontro de História, promovido pela Anpuh-Rio, em parceria com a Universidade Federal Fluminense entre os dias 23 e 27 de julho de 2017. O evento será realizado no Instituto de História, no Campus do Gragoatá, na Universidade Federal Fluminense.

Informações adicionais